Exercícios e âmbar Báltico contra a Fibromialgia

Descubra como exercícios e âmbar Báltico podem ajudá-lo na luta contra a fibromialgia

Abra a sua mente! Pense em como seria realmente incrível não ficar preso apenas a fármacos. Parece um sonho, não é mesmo? Em verdade, isso não é um sonho! Afinal, sim, é possível encontrar alternativas naturais para o tratamento da fibromialgia.

O que é fibromialgia?

A fibromialgia é um distúrbio complexo que causa dor, sensibilidade e fadiga nos músculos de partes específicas do corpo, incluindo pescoço, ombros, costas, quadris, braços e pernas.

Pessoas com essa condição podem enfrentar os seguintes sintomas:

  • insônia;
  • dores de cabeça;
  • menstruação dolorosa;
  • dormência ou formigamento nas mãos e pés;
  • rigidez matinal;
  • “fibro fog”, que se refere a dificuldades com memória e pensamento;
  • sensibilidade à temperatura;
  • síndrome da perna inquieta;
  • sensibilidade a ruídos altos ou luzes brilhantes;

Fatores de risco

Uma combinação de fatores pode contribuir para a probabilidade de fibromialgia, incluindo :

  • fatores genéticos;
  • infecção;
  • trauma, como acidente de trânsito ou transtorno de estresse pós-traumático (TEPT);
  • ser do sexo feminino, como a condição é duas vezes mais comum em mulheres do que em homens;
  • sendo obeso;

A fibromialgia pode interferir na vida diária de uma pessoa e criar dificuldades para ela, no trabalho ou em casa. A falta de compreensão dos outros, a dor crônica e a falta de sono podem levar à depressão e ansiedade.

Os médicos não entendem completamente o que causa a fibromialgia. Qualquer um pode desenvolvê-la, mas parece ser mais comum em mulheres durante a meia-idade. Em pessoas com história de artrite reumatoide ou outra doença auto-imune, também.

Os Centros de Controle e Prevenção de Doenças (CDC) estimam que a fibromialgia afeta cerca de 2% da população adulta nos Estados Unidos.

Não há cura para a fibromialgia, mas medicamentos, algumas mudanças no estilo de vida e remédios naturais podem ajudar as pessoas a controlar os sintomas.

Neste artigo, discutimos tratamentos naturais para os sintomas da fibromialgia.

Exercício

Algumas pessoas com fibromialgia podem achar difícil se exercitar no início. Mas construir gradualmente e persistir pode trazer benefícios. À medida que a força muscular aumenta ao longo do tempo, a dor e o desconforto devem diminuir.

Pessoas com fibromialgia devem falar com um médico antes de iniciar um regime de exercícios. Um fisioterapeuta pode ajudar a criar um programa adequado.

A Revisão Sistemática Cochrane concluiu que fazer o exercício aeróbico regular, incluindo natação, caminhar ou andar de bicicleta, é susceptível de melhorar saúde. Isto é, estão relacionados com qualidade de vida para as pessoas com fibromialgia. Pode também levar a uma melhor função física e reduzir a dor, a fadiga e a rigidez.

Um estudo neurológico descobriu que um programa de exercícios de 15 semanas reverteu um tipo incomum de atividade cerebral que afeta pessoas com fibromialgia, quando o cérebro está em repouso.

Os participantes também relataram uma diminuição na gravidade dos sintomas, embora não parecesse haver uma ligação entre os dois fatores.

Além disso… é importante reduzir o estresse!

Muitas pessoas relatam que o estresse piora seus sintomas. Estudos identificaram ligações entre sofrimento psicológico e fibromialgia.

Sugestões para gerenciar o estresse incluem:

  • fazendo yoga e outros tipos de exercício;
  • manter contato com amigos e familiares, tanto quanto possível;
  • juntar-se a um grupo de apoio para pessoas com fibromialgia;

O CDC afirma que a redução do estresse através da yoga, massagem e meditação pode ajudar as pessoas com fibromialgia.

Eles também observam que a terapia cognitivo-comportamental (TCC) pode ajudar as pessoas a mudar a maneira como pensam sobre sua dor e fatores de estresse. Ou seja, o que pode ajudá-las a controlar seus sintomas.

Âmbar

Você provavelmente já viu algum bebê usando estes, agora icônicos, colar de âmbar. Mas você sabia que eles também são projetados para o alívio natural da dor em adultos? Âmbar é uma resina de árvore que contém ácido succínico.

As propriedades analgésicas fazem do ácido succínico um ótimo remédio para muitas doenças. Pesquisas recentes também revelaram a capacidade do ácido succínico de melhorar a respiração celular. Bem como, o metabolismo da glicose, que permite que o corpo funcione de forma otimizada.

Quando as células são capazes de absorver oxigênio e usá-lo para produzir energia, nosso corpo tem a energia necessária para ficar em forma e saudável o tempo todo.

Você pode encontrar joias de âmbar para adulto em várias formas. As formas mais populares são colares e pulseiras de âmbar. Pode levar de alguns dias a algumas semanas para sentir os efeitos completos do ácido succínico, mas o alívio natural da dor que eles trazem faz valer a pena esperar.

Os europeus têm muita fé no âmbar Báltico, quando se trata de saúde. Os chineses são há muito tempo usuários do âmbar Báltico, por seus remédios fitoterápicos.

Os povos da Europa Oriental têm uma longa história no uso de curas médicas naturais. Embora muitas vezes elas são chamados de curas médicas alternativas, na realidade, por muitos séculos, e para alguns hoje, elas são técnicas tradicionais. São medicamentos complementares de primeiro nível na Europa.

O âmbar Báltico tem propriedades diferentes de qualquer outro âmbar do mundo. Ele é usado por médicos, bem como, por membros da população em geral, que conhecem sua história que foi passada de geração em geração.

 

 

Então…

Qualquer pessoa que tenha uma dor que não tenha uma causa definida deve procurar ajuda médica, pois o médico pode recomendar um tratamento adequado e métodos de auto-ajuda para aliviar os sintomas.

Uma parte importante do autocuidado é encontrar um médico que compreenda a fibromialgia e tenha experiência em cuidar de pessoas com essa condição e outros distúrbios da dor.

Embora os remédios caseiros possam ajudar, é melhor discuti-los com um médico antes de tentar algo novo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *